Coronavírus, Caixa prorroga pagamento de financiamento. PASSO A PASSO PARA SOLICITAR A PAUSA DO SEU CONTRATO.

A prorrogação, de acordo com o presidente da Caixa, será confirmada caso a pandemia se prorrogue por mais tempo que o esperado no Brasil.

O presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães, afirmou nesta sexta-feira (27) que a suspensão do pagamento das parcelas da casa própria, que foi anunciada na semana passada dentro d pacote de enfrentamento econômico ao coronavírus, pode ser estendida por até seis meses.

A prorrogação, de acordo com ele, será confirmada caso a pandemia se prorrogue por mais tempo que o esperado no Brasil.”Se a crise se intensificar, vamos seguir postergando. Faremos para quatro, cinco ou até seis meses”, afirmou Pedro Guimarães, em coletiva de imprensa realizada no Palácio do Planalto sexta-feira (27).

Ele lembrou que a eventualidade de suspender temporariamente o pagamento dos financiamentos habitacionais foi anunciada na semana passada pela Caixa com o intuito de deixar que os brasileiros que tiveram a renda afetada pela pandemia do coronavírus possam passar por este momento sem entrar na inadimplência. A providência, a princípio, valeria por 2 meses. Porém, outrora, foi estendida para 3 meses. E, de acordo com Guimarães, pode ser prorrogada de novo caso seja necessário para até seis meses – o tempo máximo que hoje é autorizado pelo Banco Central (BC).

O presidente da Caixa Econômica Federal também disse que, desde o anúncio da providência, mais de 800 mil famílias já negociaram a suspensão temporária do pagamento das prestações da casa própria pelos canais virtuais do banco. Pedro Guimarães também disse que, nessa última semana, o banco emprestou mais de R$ 20 bilhões para os trabalhadores e as empresas que têm tentado enfrentar o atual momento de desaceleração econômica. E lembrou que, por conta disso, a Caixa reduziu as taxas de juros do cheque especial e do rotativo do cartão de crédito para 2,9% ao ano – ou seja, para uma tarifa inferior à tarifa básica de juros (Selic), que está na mínima histórica de 3,75% ao ano. A diminuição foi anunciada na noite de quinta-feira (26) na live do presidente Jair Bolsonaro.

Saiba agora como pausar o pagamento do contrato de habitação

Pelo aplicativo de habitação da CAIXA é possível fazer o pedido de forma digital.

Não é preciso sair de casa para pedir uma pausa do crédito habitacional. Pelo aplicativo de habitação da CAIXA é possível fazer o pedido de forma digital. Saiba como se cadastrar e fazer a solicitação por meio deste tutorial. Já está disponível para celulares com sistema operacional Android e nos próximos dias também para iPhone e iPad.

Passo a passo:

  • Baixe o app de HABITAÇÃO DA CAIXA em seu celular
  • Na página inicial clique em: Solicitar Pausa
  • Se é a primeira vez que está usando o app, clique em Cadastre-se. Você precisará preencher os campos com seus dados pessoais e clicar no botão próximo de cada tela. Confirme o cadastro e pronto, é só seguir com sua solicitação de pausa. A pausa emergencial na emissão das prestações possibilita que o contrato tenha seus vencimentos suspensos pelos próximos 60 (sessenta) dias.
  • Preencha o campo destinado ao número do telefone celular, com DDD. A Caixa só poderá entrar em contato com você se você marcar a autorização.
  • Clique em Solicitar Pausa, para finalizar o pedido. Pronto! Anote o número do protocolo, ele será útil para saber o andamento da sua solicitação.

Feito o passo a passo, a Caixa entrará em contato com você em até 3 dias úteis, por SMS no número do celular que você cadastrou.