Conheça as modalidades dos Leilões de Motos. | Jornal na Net

Conheça as modalidades dos Leilões de Motos.

Published by jornalnanet on

Anúncios

Ultimamente, muitas pessoas vem procurando saber mais como funciona os leilões de motos, afim de adquirir o bem com um valor bem abaixo do que os do mercado tradicional.

Neste post, vamos falar sobre as modalidades de leilão de motos. Continue lendo e entenda melhor.

Anúncios

O que é um leilão de motos?

Um leilão de motos é uma possibilidade que você tem para vender e comprar uma moto, e especificamente aqueles veículos que estão sob a posse das autoridades como Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal. Mas também existe leilão de motos dos bancos, considerado como a melhor opção de leilão.

Anúncios

É muito comum em leilões dessa natureza você encontrar motos que passaram por apreensão, seja porque não pagaram o financiamento, ou ainda, porque caiu em uma blitz e não conseguiu comprovar regularidade com a documentação.

Como funciona um leilão de motos

É a mesma coisa que você comprar uma moto, só que aqui irão ser consideradas os lances de cada interessado. Obviamente que aquele que ofertar o maior lance, então irá levar a moto.

Esses leilões são realizados por leiloeiros oficiais. Essas pessoas não são as proprietárias do veículo, mas estão apenas conduzindo o leilão.

Pode ser que em um leilão de motos sejam oferecidos os veículos separadamente, ou em lotes. Em casos assim é feita a numeração, e o leilão ocorre de forma sequencial.

Conheça os tipos de leilão:

Leilão do Detran

Quando uma moto é apreendida durante uma blitz, os policiais ou fiscais irão levar o veículo para o pátio do Detran local, podendo ficar por até 90 dias. Após esse período, o veículo deve ir a leilão público.

Leilão de bancos

Por outro lado, quando a moto é presa por motivo de uma ação de busca e apreensão de veículo, então o banco que retomou o bem, irá colocar em algum pátio sob sua custódia.

Em situações de busca e apreensão, o período para se fazer o leilão irá depender da instituição financeira que tomou o veículo. Mas normalmente é rápido, pois o banco, ao contrário dos órgãos públicos, visam lucro e precisam recuperar o dinheiro do financiamento no menor tempo possível.