Cebolinha do Grêmio podera sair do time em 2020, Renato Gaúcho revela possibilidade

Everton Cebolinha está em destaque na conjunto de meios de comunicação esportiva do país e não sai da boca dos torcedores, por conta de suas brilhantes atuações pelo Grêmio e Compilação Brasileira, pela qual foi canhão fundamental para a apoderação da Coorte América; além de ser uma das chaves para o lista de Renato Sul-rio-grandense nesta ciclo final da Libertadores.

Nos últimos dias, Romildo Bolzan Junior deu a canetada final: o aventureiro possui elo contratual com o Tricolor Imorredouro até 2023, com super valorização salarial, chegando ao correio de R$ 700 mil /mensais, além de uma anulação de contratação cravada em R$ 536 milhões ( mais de meio bilhão, para provocar também mais espavento ao torcedor).

Porém, contratação assinado não é palavra de sentido parecido de laços eternos. Diversos clubes europeus estão de atenção em Everton Cebolinha, capa após a descrição por conta da partida continental entre as Seleções da América do Sul, e por pouco não foi negociado também na última janela de transferências.

Jorge Nicola, comentarista e escritor esportivo, diz ter adquirido informações dos bastidores do Grêmio, e a explicação não é nada animadora para o torcedor. Renato Portaluppi estaria comentando com colegas mais próximos e patas da representação técnica que há forte eventualidade de Cebolinha ser negociado na próxima janela de transferências, em janeiro de 2020. Perante da eventualidade, o cabeça estaria sob o sobrosso de despossar uma de suas principais peças.

Com a incremento dos vencimentos salariais de Everton, ele se corporação a Pedro Geromel, Diego Tardelli, Luan e Kannemann como um dos jogadores mais bem pagos do Grêmio.


Leiam Também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *