Assassino fura pneu antes de oferecer ajuda e matar Mariana Bazza

Foi cravado nesta última quinta-feira (26), o corpo da jovem aulista de 19 anos, Mariana Bazza, na última vez que ela foi ideia com vida aparecia saindo de uma academia e recebeu auxilia de um homem, uma vez que o arco de borracha de seu automóvel aparecia fracassado.

A polícia analisou as imagens da câmera de segurança instalada na academia e descobriu que foi o próprio homem suspeito de matá-la que foi até o automóvel e esvaziou o arco de borracha.

No momento em que ela saiu da academia e se deparou com aquela situação o predisposto logo se aproximou oferecendo auxilia. Ele disse que no lugar que trabalha, bem próximo da academia, havia um compressor no qual seria possível amolar o arco de borracha do automóvel para que ela pudesse ir até um borracheiro.

Mariana levou o automóvel até lá e acabou perdendo a vida. As imagens da câmera de segurança mostram que o suspeito saiu no automóvel dela pouco em seguida e foi até um posto amolar o arco de borracha. Em seguida ele voltou, certamente para pegar o corpo, de acordo com informou a polícia e saiu para assentar Mariana em outro ponto da região.

Comercial

A polícia não possui mais incerteza de que este foi um crime premeditado e que o suspeito preparou tudo bastante bem, porém não contava que estaria sendo filmado pela câmera de segurança da academia.

Os pais de Mariana Bazza chegaram a mudar mal ao longo o sepultamento da jovem e precisaram ser amparados pelos familiares. O viuvinha dela tirou um desabafamento comovente e disse que eles já faziam planos de se casarem no ano que vem.

O suspeito continua encarcerado e a polícia segue investigando o caso para experimentar comunicar mais algumas poucas dúvidas que restam.


Leiam Também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça seu Cadastro abaixo:

Receba informações sobre esportes, notícias atuais, crédito, financiamentos e muito mais!

You have Successfully Subscribed!